|||Presidentes de associações das carreiras de Estado traçam estratégias em defesa do serviço público

Presidentes de associações das carreiras de Estado traçam estratégias em defesa do serviço público

2021-07-21T16:25:55-03:00 20 de julho de 2021|

Presidentes de diversas associações paulistas representativas das carreiras de Estado reuniram-se na manhã desta segunda-feira (19/7), na sede administrativa da Apamagis, para estabelecer estratégias de defesa do serviço público, com foco na PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 32/20.

“Durante a reunião, analisamos os principais pontos da Reforma Administrativa que podem prejudicar a qualidade dos serviços prestados à população. Dessa forma, focamos em estabelecer estratégias de diálogo que julgamos fundamentais para a conscientização do parlamento de modo a desmistificar inverdades amplamente difundidas sobre o serviço público”, afirmou Vanessa Mateus.

Liderança associativas em reunião na sede administrativa da Apamagis | Foto: Alexandre Boiczar

A proposta do Poder Executivo foi encaminhada à Câmara dos Deputados em setembro de 2020 sob o pretexto de promover uma Reforma Administrativa, alterando dispositivos sobre servidores e empregados públicos e modificando a organização da administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Desde então, encontrou resistência de diversos setores da sociedade quanto a pontos polêmicos, com destaque para os que afetam o princípio da estabilidade, permitindo contratações temporárias e terceirização, bem como o que permite aumento de cargos comissionados. A proposta está em análise na Comissão Especial da Câmara que tem realizado audiências públicas virtuais, as quais devem ser retomadas no início de agosto, término do recesso parlamentar.

Da Apamagis, além da presidente Vanessa Mateus, estiveram presentes o 2º vice-presidente, Thiago Massad, e o diretor-secretário, Felipe Viaro. Também participaram, da APMP (Associação Paulista do Ministério Público), o presidente Paulo Penteado Teixeira Junior; da Apadep (Associação Paulista das Defensoras e Defensores Público), o presidente Augusto Barbosa e a diretora-financeira Debora Pezzuto; da APESP (Associação de Procuradores do Estado de São Paulo), o secretário-geral José Luiz Souza de Moraes; da Afresp (Associação dos Agentes Fiscais de Renda do Estado de São Paulo), o presidente Carlos Leony e o secretário-geral Sérgio Trentin; da Amatra (XV Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 15ª Região), o presidente Sérgio Polastro Ribeiro; da Amatra 2 (Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 2ª Região), o presidente Frederico Monacci Cerutti; do SINDPF-SP (Sindicato dos Delegados de Polícia Federal no Estado de São Paulo) e da Fenadepol (Federação Nacional dos Delegados de Polícia Federal), a presidente Tania Prado, também diretora da ADPF (Associação nacional dos delegados de Polícia Federal); e do Sindpesp (Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo), a presidente Raquel Galinatti, que também representou a Adepol do Brasil (Associação dos Delegados de Polícia do Brasil), a diretora Juliana Ribeiro e o diretor-jurídico Mario de Barros Filho.