|||FOCAE acompanha tramitação de projetos da reforma da Previdência na Alesp

FOCAE acompanha tramitação de projetos da reforma da Previdência na Alesp

2020-01-28T01:39:19-03:00 8 de dezembro de 2019|

Bárbara Garcia
Da reportagem local

A Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo) chegou a ficar fechada ao público na quinta-feira (5) durante sessão extraordinária que discutia os projetos de reforma da Previdência estadual.

Público impedido de acessar galerias

Após confusão no plenário na noite anterior alguns deputados solicitaram que o acesso do público e da imprensa à galeria fosse impedido. Centenas de servidores e estudantes tomaram os corredores da Casa, cujos acessos foram fechados pela presidência.

Representantes do FOCAE-SP na Alesp para votação da Previdência

As deputadas Beth Sahão (PT), Monica Seixas (PSOL), Professora Bebel (PT), Marcia Lia (PT) e Isa Penna (PSOL) ocuparam as cadeiras da mesa diretora em protesto. Diante da tensão, a segunda sessão extraordinária, convocada para a mesma noite, foi suspensa até segunda-feira (9).

Fernando Bartoletti, presidente da Apamagis e coordenador do FOCAE (Fórum Permanente das Carreiras de Estado), esteve no local durante todo o dia com lideranças das entidades que compõem o grupo para o trabalho de sensibilização acerca da fragilização do serviço público junto aos deputados.

 

Bartoletti em entrevista à TV Globo

Presidente da Apamagis fala à Jovem Pan

Bartoletti também falou à imprensa sobre pontos polêmicos envolvendo os projetos, como a falta de simetria da PEC 18/19 com a ECF 103/19, a tramitação em regime de urgência, os riscos de judicialização e da possibilidade de aposentação de grande número de servidores em prejuízo dos serviços prestados à sociedade.

Além de outros parlamentares, o grupo esteve com o 1º vice-presidente da Alesp, Gilmaci Santos (PRB), e com o líder do PT, Teonílio Barba.

Presidente Bartoletti em reunião com deputado Teonílio Barba (PT), líder do partido na Alesp